te olhei

ainda que negue

o caminho que segue

o olho percebe

antes que chegue

antes que cegue


avança ao vórtice

explícito do vício

que é a vista

o olho

lança a íris

na dança de

enxergar


enche

a córnea

de horas

de margens

estranhas

entranhas de

paisagens

forma

a

fórmula

do que é

ver


0 comentário