brutas

bradam aos montes

os novos

e menos distantes

brutamentes

cabeças de chumbo

calçando

chulos coturnos

cheios

de dentes


bradam as mentes

os novos

e mais potentes

brutamontes

olhos de venda

cabeças sem fundo

calçando

calçadas

que levam

ao abismo

um risco

que amam

assumir

e

sumr.